Se vieram pedindo porta rédea solta no salseiro
Um escora o outro pecha abrindo o peito estancieiro
Bem antes dos trinta metros vinha o pampa entre os aperos

Já na primeira porteira com os pescoços tramados
Conduzindo a rês na pista vinha o mouro e o colorado
E num jeitão bem campeiro se via os chapéus tapeados bis

Num paleteio fronteiro
É bem assim que se faz
Reboleando os “colas chata”
Apertando o boi no más
E o estouro da retomada
Fazendo voltar pra trás
É lindo escutar o berro e dar volta se estrivando
Levar reto, onde saiu ver o povo levantando
Reverenciando tronqueiras isso é o pago despontando bis

(Quem se templou nos varzedos
Com alma e garrão de touro
É o rio grande refletido
Em paleteadas de estouro
Tem o sustento a cavalo
Nos encontros do crioulo)

Vídeo incorreto?