Eu quero ver você
Batendo palma de mão
E se não tiver pandeiro
Eu bato no violão

Repentista quando canta
É cultura popular
Conquista é o cantador
Na pancada do ganzá
Violeiro com viola
Faz a improvisação

A rima pra ser eterna
Tem que ter uma poesia
Um terno de cantador
Improvisando a cantoria
Que cante de dia e de noite
E que cante de noite e de dia

Eu vim de lá
Lá do centro do sertão
Pra mostrar minha "pegada"
Percussiva em violão
Violão...

Vídeo incorreto?