Eu piso na poça, debaixo da chuva
Sai um arco-íris com raios de sol
Eu danço no vento, me perco no tempo
Balanço, sacudo o cabelo
E não fico só
Eu não tenho medo da chuva, e não fico só

Pulamos na rua, rolamos na grama
Domingo no parque, já é de manhã
O vento assobia cantigas antigas
O suor escorre, tem cheiro de amor
As cores fluindo, girassóis e rosas
A vida sorrindo, cheiro de manjericão
O carro que passa, a vida que segue
A ponte suspensa, o trem atravessa
A nuvem passando faz poça no chão
É manhã de sonhos, um doce e um sorriso
Tem cheiro de amor

Eu não tenho medo, e não fico só
Eu não tenho medo, e não fico só
Eu não tenho medo, e não fico só

Vídeo incorreto?