Ela ri, ela pula e canta
E assim a dor espanta
Se fingindo Colombina
Me comove ver o pranto cair
Daquela pobre menina
Que teve a má sina de se deixar
seduzir

Se eu pudesse dividia a tua dor
A metade eu resistia com o
maior sabor
Se eu pudesse não pensava mais
Neste alguém
Quem me fez sofrer alma não tem

Há no mundo quem te adore tanto,
tanto
Eu por ti, e tu por outro
derramamos pranto
Somos dois entes a subir o mesmo
calvário
Mas com o pensamento contrário

Vídeo incorreto?