Brega, brega, brega, brega me deixou
Eu sou o fruto brega da semente brega que você plantou
[bis]

Olhar etíope devora seu retrato
Braços antílopes me apertam o coração
Amore míope vê se enxerga o firmamento
E lembra do juramento que foi feito com paixão

Brega, brega, brega, brega me deixou
Eu sou o fruto brega da semente brega que você plantou
[bis]

Na Sibéria afetiva em que fui enclausurado
Sinto gelado o beijo do desamor
Amore míope vê se enxerga o firmamento
E lembra do juramento que foi feito com paixão

Brega, brega, brega, brega me deixou
Eu sou o fruto brega da semente brega que você plantou
[bis]

Vídeo incorreto?