Sai vai, pois eu já não aguento mais, paz não se
Anuncia nos jornais nem direitos iguais, autorais
Frases banais, falam demais falem de trás pra frente.
Que serás bem mais eficaz. [2x]

Caminhos de vida na vida vivida me instiga me inspira
E me joga pra cima, acima da auto-estima à escrita,
Estampada exercida e fortalecida na fé da torcida.

Na pura energia, a rima nutrida, paz contraída, mas
Nem que tu queira conseguiria em um milhão de
Tentativa, não abala a estrutura nem aterroriza a
Família então não enrola.

Que nego bola à capela bagunça a viola, na roda que
Gosta ou desgosta, sai fora com as pernas tortas,
Janta e almoça ouvindo um rap no estilo da bossa.

Buscando a vitória e a glória, alcançando a concórdia,
Contendo a demora com tudo se amola, quem tem fome não
Espera precisa comer agora.

Criança nervosa na pista que devia estar na escola

157 bolado passa tempo é cheirar cola, vende bala e
Pede esmola, amassa a vida e joga fora.

O Presidente ausente diz que sente muito e chora, mas
É zero em atitude pra mudar essa história.

Isso não me conforma não me conforta, não engrandece e
Gera revolta...

Soldado do asfalto na guerrilha mãos ao alto, sujeito
Homem tá bolado estilo vai ficar pesado,
Tomada de assalto olhar ensangüentado e no mercado o
Quilo do feijão tá caro.

Soldado do asfalto na guerrilha mãos ao alto, sujeito
Homem tá bolado estilo vai ficar pesado,
Tomada de assalto olhar ensangüentado e o quilo do
Feijão tá caro e caro pra caralho

E assim de fato, faço rap somente pra protestar e se
No ato de livrar o estresse, bebe para relaxar a mente
A polícia mata em massa,
A cara tá explanada sua idéia exagerada
Concentrada, na vida suas táticas me ameaçam soldado
Da guerra também quero levantar a táça.
Raiva corre no meu sangue, mais dispostos ficam
Adiante pelotão de frente combatendo caças e tanques,
Mas isso não kunk funk strondante isso é o rap no
Calote do busão que vou procedir o caso do Cert,

O que mais me aborrece, nesse mundo de internet é que
A minha entrega os dreads ao mundo ainda não
Convence.
E é por isso que eu digo ?foda-se?? a sociedade, sigo
No meu delírio combatendo toda maldade, nas minhas
Rimas eu misturo poesia e sagacidade,
Prefiro ser um soldado da vida e da verdade

Soldado do asfalto na guerrilha mãos ao alto, sujeito
Homem tá bolado estilo vai ficar pesado,
Tomada de assalto olhar ensangüentado e no mercado o
Quilo do feijão tá caro.

Sai vai, pois eu já não agüento mais, paz não se
Anuncia nos jornais nem direitos iguais, autorais
Frases banais, falam demais falem de trás pra frente
Que serás bem mais eficaz.

Sorriso nos dentes, sempre presente de um cidadão
Consciente cujo valor equivalente, valendo ser
Diferente no conteúdo da mente,
Prossigo sempre na frente na formação de ser gente,
Não importa se inteligente, milionário, carente, se
For pastor delinqüente quem sabe até o presidente que
Mente,

Não sente um centímetro que vem da minha gente,
Independente, mas depende aparentemente da nossa
Corrente,
O underground movimento sentimento expor o verso, ao
Expor o dialeto formulando idéias na tua mente um
Jeito completo,
Paz e amor no ar independência que eu quero felicidade
Batalha harmonia que eu espero, desligado sempre
Alerto, não me desespero em atos que eu não quero,
Pelo contrário, eu rezo, manifesto, eles dizem que eu
Sou louco eles dizem que eu sou esperto.

Soldado do asfalto na guerrilha mãos ao alto, sujeito
Homem tá bolado estilo vai ficar pesado, tomada de
Assalto olhar ensangüentado.
E no mercado o quilo do feijão tá caro pra caralho!

Sai vai, pois eu já não aguento mais, paz não se
Anuncia nos jornais nem direitos iguais, autorais
Frases banais,
Falam demais falem de trás pra frente que serás bem
Mais eficaz.

Justiça alta afirma e coletiva e não se mantém longe
Das e fugi da policia e sai dispersa cai nessa
Neblina sinto que nos desvia da mira da carabina,
Chacina assina como quem não que fazer visita na pista
Com minha face de terrorista me ameniza pessimista por
Trás de cara anarquia eu sou da vida ativista que e
Vista sem artilharia minhas armas são distintas
Calado que nunca gera sua desgraça, babaca
Não me ameaça o tempo passa e volta o dobro com
Levada, para de fala besteira os dread são a minha
Antena pras mensagens verdadeiras do mundo cabido sem
Seqüela mistura de povos com certeza pra não ser a
Diferença da união da consciência Para e veja tanta presa, faça, reza, aumenta,
Cresça, com a terra ja submersa pelo aquecimento do planeta terra!

Vídeo incorreto?