É o som que vem das águas
Faz pulsar meu coração
Mexe com corpo e com a alma
Mulheres, minha paixão

Não tem jeito, eu me perco
Cada curva do corpo me rende
Sensual, vaidosa
Saída do mar
Toda linda, rebolando
Meu cavaco tá chorando
Só pra ver ela passar por mim

Vou atrás dos seus passos marcados na areia
Menina, moleca, jeito de sereia
Sou poeta, malandro, e não posso negar
Tem mulata, loirinha, morena danada
A mulher brasileira está consagrada
Vem na ginga menina
Vem comigo dançar

É o som que vem das águas
Faz pulsar meu coração
Mexe com corpo e com a alma
Mulheres, minha paixão

Não tem jeito, eu me perco
Cada curva do corpo me rende
Sensual, vaidosa
Saída do mar
Toda linda, requebrando
Meu cavaco tá chorando
Só pra ver ela passar por mim

Elas valem ouro, todo meu tesouro
Eu fico louco, querendo mais um pouco desse mel
Sim, me leva até o céu, por isso, com o poeta, faço o meu papel, sempre
Homenagem a quem merece, com esse jeitinho vocês me enlouquecem
O que eu vou dizer não há como negar, mulher brasileira em primeiro lugar

Sigo os seus passos marcados na areia
Menina, moleca, jeito de sereia
Gosto muito de samba e não posso negar
Que toda mulher brasileira está consagrada em primeiro lugar

É o som que vem das águas
Faz pulsar meu coração
Mexe com corpo e com a alma
Mulheres, minha paixão

Vídeo incorreto?