Na ilha de Patmos sozinho está João
Sofrendo, aflito, ferido
Eu imagino com grande escuridão
Sofria o servo João
Mas de repente uma visão, teve ali nosso irmão
E arrebatado ele foi, no dia do nosso senhor
E assim ouviu a grande voz
Que disse assim
Escreve servo meu
O que fala é o cordeiro, que foi morto e reviveu
João prostrado caiu
Mas Jesus disse não temas
Tenho as chaves do inferno e da morte
E os mistérios vou te revelar


O que vê João, vejo os sete castiçais
O que vê João, vejo o cordeiro de Deus
O que vê João, vejo as sete estrelas, todas em suas mãos
O que vê João, estou vendo os seus olhos
Como chama de fogo, o seu peito cingido, com um sinto de ouro
E os seus pés reluzentes, o seu brilho é demais
Mas o que vê João, seus cabelos são brancos
Sim o que vê João, suas vestes são lindas
O que vê João vejo o cordeiro que foi morto e reviveu
Vejo o filho de Deus

Vídeo incorreto?