Eu sou da terra onde há lagoas,
Da terra onde há marechais,
De tantos risos, de tantas loas,
Tantas ilhas, tantas crôas
À sombra dos coqueirais (2x)

Ah! calabares de holanda
Mares de uma banda e o velho chico ao sul
Esse graciliano, esse jorge de lima,
Essa nêga fulo!
Ah! marechal floriano de ferro e de flores
Não há quem não morra de amores pelo meu lugar

Ah! mais que um solo de cana
Essa terra tem gana de fumo e algodão
Djavan, jararaca, hermeto, paurílio
Maestro fon-fon
Ah! é zumbi dos palmares
União de cores
Não há quem não morra de amores pelo meu lugar

Eu sou da terra onde há lagoas...

Ah! cabanada no norte
Um bispo sem sorte, os caetés
Teotônio vilela, pontes de miranda,
Aurélio de "a" a "z"
Ah! mesa rica de renda e de tantos sabores
Não há quem não morra de amores pelo meu lugar

Ah! brincadeira é chegança
E o guerreiro que dança faz tremer o chão
Zé maria tenório
Entra! pedro teixeira, theo brandão
Ah! dos prazeres senhora
Abençoe os senhores
Não há quem não morra de amores pelo meu lugar

Vídeo incorreto?