Por que esse desespero?
Por que essa lembrança?
Por que você se fez assim?

O tempo também corre
E com ele a esperança
Por que cê tá longe de mim?

Por que esse desapego?
Por que essa distância?
O que era bom ficou ruim

Eu acho que seu medo
Me fez entrar na dança
Por que você fugiu de mim?

Fugiu, e não há meios de acreditar
Que um lance tão bacana
Acabe sem ponto final

Fugiu, não sei se corro pra mesa de um bar
Mas a minha intuição não se engana
O que devo fazer afinal?!

Ficar me perguntando não adianta
Nem saber ao certo o que aconteceu.
Eu tiro o orgulho da cara
Não ligo se você repara
Metade do erro era meu

Ficar me perguntando não adianta
Nem saber ao certo o que aconteceu.
Eu tiro o orgulho da cara
Não ligo se você repara
Metade do erro era meu...

Vídeo incorreto?