Eu não sei exatamente o que quer
Já foi nobre, já foi plebe, já foi pobre, já foi rico
Já foi novo, já foi velho
Já foi homem e mulher

Já bateu em muitas vidas
Mas também já apanhou
Das pessoas, dos caminhos
Carinhos, amor
O que é bom não cabe em uma noite
As nossas noites
De quem vão, não vão iluminar

Meu coração não tem sexo
Pois é reflexo do meu Pai
E ele vai me guiar no que é melhor
Meu coração não tem sexo
Mas tem um nexo com meu Pai
E Ele vai me guiar no amor maior

As formas vem e vão
E a gente aprende então
A separar o que importa da antiga letra morta
O que consola, o que é moda
Do que é só opinião

Pois o certo nos deixa mais perto do Pai
Menino ou menina, pra onde
Pra onde você vai?
Pra onde você vai?

Meu coração não tem sexo
Pois é reflexo do meu Pai
E ele vai me guiar no que é melhor
Meu coração não tem sexo
Mas tem um nexo com meu Pai
E Ele vai me guiar no amor maior

As formas vem e vão
E a gente aprende então
Que não foi tempo perdido

Pois o certo nos deixa mais perto do Pai
Menino ou menina, pra onde você vai?
Jovem, jovem, jovem
Jovem!

Vídeo incorreto?