No mercy for my enemies brotha
Tanto me odiaram que lançaram o meu corpo numa cova
Mas a minha alma
Pertence a mim...
Só Ele sabe a minha hora

(Halloween)

Se Eles mancharem o homem justo
Levantarei.me do meu túmulo
E viverei no novo mundo
E darei testemunho de si

(Deus queira que sim)

Sucka's vieram como uma multidão perante a mim
Quando ouviram falar nos milagres da Mary Witch
Ofereceram.me ouro e a platina
Mas eu não quis...
Então eles desejaram
Ver o meu fim.

Eu mergulhei o mô flow no Underground Tuga Rap Rua
Perseguido por inimigos até à sepultura
Vi os meus proprios soldiers kriminais
Conspirarem contra mim
Planearam me matar...
Mas não morri

Eis como Judas caminhou e se infiltrou
Entre nós
Espalhou corrupção no meio dos meus Bro's
Hoje a minha alma esta terrivelmente amarga e só
Longe dos olhos invejosos
Fuck all Y'all

Entertainers de teenagers, player haters money makers
Indústria de Intrujas manipulados pelas majors
Rei do rap game sem manager
Uma label mainstream...
Esta é a noite em que os peões mataram a Queen

[Refrão]

Esta noite pedi perdão a Jesus Christ
Pela vida vã que eu vivi
Esta noite caí nas mãos de my enemies...
Mas as vossas armas não mataram a mim

Segura.me Senhor eu estou a cair
Salve o Halloween
A corneta do anjo Vingador...
Tocou pra mim
As minhas asas foram.me negadas
Reclamadas, para ti
E a minha alma voltou a pobre
Só ao longo eu Vi

Demónios e Querubins jogam à sorte a minha vida
Se a carta da morte sair...
Brotha é a minha sina
Tou na street Killa
Como uma garrafa de tara perdida
Té às tantas da madrugs
Crazy Life nigga

Quantos niggas mais vai vir atrás da minha vida
Corram até ver a luz
AVÉ MARIA
Sangue a degradar
Drive-By boy nos quantos caírem
No mercy for the fools
A gente aniquila

Deus dê olhos a quem me odeia
Mas que a mim ninguém me veja
Que eu não tenha medo de nenhum
Até que o meu dia venha
Como o criminoso que morreu à direita do nazareno Jesus Christ
Espero que o meu Senhor se lembre de mim

[Refrão]

Esta noite pedi perdão a Jesus Christ
Pela vida vã que eu vivi
Esta noite caí nas mãos de my enemies...
Mas as vossas armas não mataram a mim

(Butts MC)

A me quel'homem
que si fala pa respondi

(...)

ta respeita
Si m'alguem ta respeitam
Ma pisa na mim não

Un tont afronta
Un tont amorri
Ne mundo si
ta morri si
Ma mi é homem

(J-Cap)

Já pedi perdão
Cu terço na mão
Rezando por eles
Porque eles não sabem não

Eu te digo sem receio
Eu não sou gangsta
Mas se tu me quiseres testar nesta merda

Nunca te vi nem pintado
Boy tu queres o quê?
Tu passas e olhas de lado
Boy tu queres o quê?
Deves pensar que eu tenho medo
Boy tu queres o quê?
Eu já passei esse enredo
Boy tu queres o quê?

Eu te digo sem receio não sou bravo
Mas se tu quiseres qu'este homem dê pa parvo
Tás à vontade
Mas tem cuidado!
Boy tu queres o quê?

(Lord - G)

(...)

[Refrão]

Esta noite pedi perdão a Jesus Christ
Pela vida vã que eu vivi
Esta noite caí nas mãos de my enemies...
Mas as vossas armas não mataram a mim

[Outro]

Deus tenha misericordia dos meus inimigos Brotha
Vivi a minha vida longe do inimigo, longe do hipócrita
Se um dia os homens tolos disserem que eu morri...
Não acredites brotha

Vídeo incorreto?