Tô voltando pra farra
Vou encher a cara até o amanhecer
Eu não quero você do meu lado
Dizendo o que devo ou não devo fazer

Eu não sou mais o seu brinquedo
Você não me tem mais preso em suas mãos
Quem não dá assistência, perde a preferência
E dá lugar a nova paixão

Eu não quero ser o culpado
Pelo fracasso do nosso amor
Foi você quem fez tudo errado
E o meu coração não aguentou a dor

Se eu pudesse prever o futuro
E saber que tudo ia acabar assim
Não teria me envolvido tanto
Porque isso não era o que eu queria pra mim

Mas não vou estar por aqui
Quando a solidão vier te machucar
Tô indo embora, vou partir pra outra
Aqui não é meu lugar

Tô voltando pra farra
Vou encher a cara até o amanhecer
Eu não quero você do meu lado
Dizendo o que devo ou não devo fazer

Eu não sou mais o seu brinquedo
Você não me tem mais preso em suas mãos
Quem não dá assistência, perde a preferência
E dá lugar a nova paixão

Eu não quero ser o culpado
Pelo fracasso do nosso amor
Foi você quem fez tudo errado
E o meu coração não aguentou a dor

Se eu pudesse prever o futuro
E saber que tudo ia acabar assim
Não teria me envolvido tanto
Porque isso não era o que eu queria pra mim

Mas não vou estar por aqui
Quando a solidão vier te machucar
Tô indo embora, vou partir pra outra
Aqui não é meu lugar

Tô voltando pra farra
Vou encher a cara até o amanhecer
Eu não quero você do meu lado
Dizendo o que devo ou não devo fazer

Eu não sou mais o seu brinquedo
Você não me tem mais preso em suas mãos
Quem não dá assistência, perde a preferência
E dá lugar a nova paixão

Vídeo incorreto?