Algo ficou perdido no passado;
Algo que não podemos mais tocar;
Tempos que não iremos mais viver;
Saudades são o que mais nos resta.

Anos que passaram sem perceber;
E ninguém pode parar ou voltar esta grande roda;
Em vão desejo gira-la ao invés...
Ao invés disto tenho apenas lembranças a amordaçar meu peito.

Não sentir o Sol e as chuvas de outrora?
Correr, pular, nos fez crescer...
Envelhecer e perder a aurora...
Já deixamos de viver?

As coisas eram mais fáceis quando pequeno;
Grandes muros me protegiam;
Agora é tão difícil existir.
Saltei para fora destes muros que não podem mais me salvar...

Cenas passam como filmes em minha cabeça;
Sorrisos são o que mais vejo...
Hoje há tantas lágrimas que teimam cair...
Nossos heróis estão acabando aos poucos...

Não sentir o Sol e as chuvas de outrora...
Correndo, pulando, crescendo...
Envelhecer e perder a aurora...
Nós estamos vivendo?

Está tudo bem...
Só desejo alguém aqui...
A cantar para mim...
Me console, diga que esta tudo bem...
Não importa que seja mentira...
Cante tudo já passou...
Tudo é agora...
Tudo está para vir...
Cante hummm...
Já passou, foi só um sonho ruim...
Me faça esquecer esta dor...
Cante...
Cante para mim...

Vídeo incorreto?