Às vezes as lutas da vida
Deixa o crente abatido
E desanimado
Não sei
O que se passa contigo
Mas Deus sabe
Não deixa o justo
Desamparado...

Se você dobrar seus joelhos
Contar tudo prá Ele
Ouvira-lo dizendo:
A Minha Graça te basta!
Dá-me Tua Graça
Enche-me da Graça...

Ainda que eu andasse
Pelo vale da morte
Pouca coisa restasse de mim
A Tua Graça me basta!
Dá-me tua Graça
Enche-me da Graça...

Ainda que eu andasse
Pelo vale da morte
Pouca coisa restasse de mim
A Tua Graça me basta!
A Tua Graça!...

Assim como falaste com Paulo
Quando ele estava
Muito atribulado
Às vezes eu me sinto tão fraco
Até parece que existem
Espinhos por todo lado...

Se não for pela Tua Graça
Um minuto que passa
Retroage uma vida
Difícil e até mesmo impossível
Viver sem Tua Graça
Esperança perdida...

A Tua Graça me basta!
Dá-me tua Graça
Enche-me da Graça...

Ainda que eu andasse
Pelo vale da morte
Pouca coisa restasse de mim
A Tua Graça me basta!
Dá-me tua Graça
Enche-me da Graça...

Ainda que eu andasse
Pelo vale da morte
Pouca coisa restasse de mim
A Tua Graça me basta!
A Tua Graça me basta!
A Tua Graça me basta!...(2x)

Vídeo incorreto?