O extremo sul
Lá na fronteira onde beira o firmamento
O céu azul
Que te escondeu atrás do véu do pensamento
Onde eu e tu
Sabemos bem que vai e vem o esquecimento
Que leva tudo
E nos mantém vivos, suspendidos no tempo

Protege bem
O lume aceso do desejo assim tão válido
Guardei contém
O mundo inteiro num cruzeiro solitário
Que tu completas
Com teu jeito e teu exemplo originário
De quem contempla
O firmamento como um templo planetário

Até amanhã, se Deus quiser
Eu pego tudo que eu tenho
Vou para te ver
Te amo tanto
Te chamo tanto
Será sempre mais ao sul
No mais azul
Felicidade
O sonho de viver

O extremo sul
Lá na fronteira onde beira o firmamento
O céu azul
Que te escondeu atrás do véu do pensamento
Onde eu e tu
Sabemos bem que vai e vem o esquecimento
Que leva tudo
E nos mantém vivos, suspendidos no tempo

Protege bem
O lume aceso do desejo assim tão válido
Guardei contém
O mundo inteiro num cruzeiro solitário
Que tu completas
Com teu jeito e teu exemplo originário
De quem contempla
O firmamento como um templo planetário

Até amanhã, se Deus quiser
Eu deixo tudo que eu tenho
Vou para te ver
Te amo tanto
Te chamo tanto
Será sempre mais ao sul
No mais azul
Felicidade
O sonho de viver

Até amanhã, se Deus quiser
Eu pego tudo que eu tenho
Vou para te ver
Te amo tanto
Te chamo tanto
Será sempre mais ao sul
No mais azul
Felicidade
O sonho de viver

Vídeo incorreto?