Eu trabalho no seu horário de lazer
Mas é mais fácil dizer
Que eu não tenho mais o que fazer
Se perguntarem o que eu faço da vida
Vão dar risada se eu disser que é rima e batida
E vão pensar que eu sou repentista ou barman
Mas vão pegar bem
Se eu disser que sou artista
(artista? é! cantor? que nem o cauby?)
Não senhora, eu faço rap, eu sou mc

E música é meu trabalho
Música de trabalho
Música da trabalho
Mas você não tá ligado
Parece fácil pra quem olha de fora
Mas o fardo é bem mais pesado aqui desse lado

E música é meu trabalho
Música de trabalho
Música da trabalho
Mas você não tá ligado
Tô reclamando não,
Faço o que eu gosto, então
Só agradeço por ser abençoado

É difícil ser patrão e funcionário
É bom não ter horário,
Mas não ter salário (hum...)
Sem benefícios, sem fundo de garantia
Sem plano de saúde nem aposentadoria
As contas chegam no dia,
Mas se o cachê atrasa eu já mando o silvio luiz...
(o que que eu vou dizer lá em casa?)
Não pago contas com respeito e consideração
Não peço mais do que respeito e remuneração
É meu direito se eu compri com minha obrigação
Então por que que receber é uma chatiação?
Se eu faço o jab só eu saio no preju
Então de nada vai adiantar mandar tomar no (oh..)
Esperto com quem é contra e quem é só tratante
E agradeço quem ajuda a deletar os farçantes
Por que o combinado não sai caro pra ninguém
Então trabalha, não me atrapalha e tá tudo bem

Música é meu trabalho
Música de trabalho
Música da trabalho
Mas você não tá ligado
Parece fácil pra quem olha de fora
Mas o fardo é bem mais pesado aqui desse lado

Música é meu trabalho
Música de trabalho
Música da trabalho
Mas você não tá ligado
Tô reclamando não,
Faço o que eu gosto, então
Só agradeço por ser abençoado

Então trabalha, trabalha, trabalha nego
Trabalha, trabalha, trabalha nego
Trabalha, trabalha, trabalha nego
Trabalha, trabalha, trabalha nego
(vale a pena?)
Até que tem compensado
Pago as contas do mês e ainda sobra um trocado
Viajo pra alguns lugares e sou bem recebido
Bem melhor que ser lembrado é não ser esquecido
Lisonjeado me sinto, muito obrigado
E se eu fico encabulado
Não acha que eu to metido
Observado,
Vigiam, que eu to ligado
E se eu piso do jeito errado posso até ser demitido
Nem tudo aqui é paparazzi e glamour
Nem toda viagem é curta, é mais pra expedição
Desbravador
Com carga de extivador
Com karma de sofredor
E a calma que a profissão exige
Poucos atigem o mais alto patamar
Mas quem se dá bem aqui não tem do que reclamar
Deixa eu fazer a minha e atender a convocação
E agradecer por poder viver a minha vocação

Música é meu trabalho
Música de trabalho
Música da trabalho
Mas você não tá ligado
Parece fácil pra quem olha de fora
Mas o fardo é bem mais pesado aqui desse lado

Música é meu trabalho
Música de trabalho
Música da trabalho
Mas você não tá ligado
Tô reclamando não,
Faço o que eu gosto, então
Só agradeço por ser abençoado

Então trabalha, trabalha, trabalha nego
Trabalha, trabalha, trabalha nego
Trabalha, trabalha, trabalha nego
Trabalha, trabalha, trabalha nego

Vídeo incorreto?