Quantas palavras lambidas
Quantas palavras chupadas
Banho de língua alguma alga
Algum alguém al gol
Palavras metidas mentidas
Algum algures lugares
As faces rosadas risadas
Roubadas palavras rubores
Quantos beijos algozes
Há gozos
E gostos tocados
Rumores humores vivos
E mares de saliva por salvar
No que eu tanto tenho
Por tanto tempo guardado
Com todas as palavras
Que não dizem tudo
Aí eu fico mudo
E beijo o mundo
Na tua boca e digo
Ao teu seio
A tua virilha
O que eu não sei
Dizer de outro jeito
E o nosso abraço
O nosso peito
A nossa pele
É um leito
Que eu me deito
Se sou aceito
Pelo meu amor

Vídeo incorreto?