(REFRÃO):
Verso ímpar em par, por um par de parcel,
com sabor nacional, natural que nem pastel de feira,
que se pá tem em um ou outro bar - e, somado ao som,
faz flutuar.


A minha alma jorra ao longo da canção,
no bpm exato do surrado coração.
Mano, mesmo se for microfone sem fio eu não fujo da fonte nem cruzo a ponte que conecta com um monte de pilantra.
No Brasil, a guerra civil rola em nível mastodonte,
cega surda e muda, como manda o figurino,
mas minha caneta é minha granada e eu já joguei fora o pino.

Esses babuínos sempre constam com os decibéis a níveis inconcebíveis,
mesmo depois da dez. No mais, Psiu, Rota, Ronda, Civil,
servem só pra freiar - fui, nem me viu!
Conjuntos habitacionais populares,
de apartamento, ou lojas de departamento...
produção em série, em várias áreas,
padronizam pensamento, mas eu não sou o que aparento.

Esse não é o tipo de igualdade em que acredito,
e tenho dito. Quero tudo mais bonito, ao meu redor tá esquisito.
Quem toca o apito do jogo no campo minado em que eu habito?
âcarbítrio livre? Ventre livre? Mundo livre? Deus me livre!'
- quem tem poder pensa assim e não vai querer mudar...
mesmo a la David x Golias, sigo a retaliar.


(REFRÃO)


Baby, eu só sei que eu cansei de me explicar:
não é uma banca de cara nem uma banda de mina,
mas o verso é ímpar. Sem pipar qualquer quirela de fama,

como Milton Banana - balançando - a gente tá sem parar,
há quase uma década, na época em que mal se começou já está prestes a acabar.
Seja como for, sempre vale ressaltar:
eu só caminho contra o vento e o verbo vem no ar.
A rigor, alardear não adianta, cresce quieto como planta,
não vou pagar de anta, agradeço cada vez que minha voz (via garganta)
atinge seu ouvido, e a poeira se levanta, em viagem sem vacilo,
tipo de volta ao lar, da cidade de SP pra todo o Sistema Solar.

...Que é celestial,
sempre puro e natural. Orgânico,
mesmo num loop mecânico, microfone dinâmico causando o pânico.
Ao vivo o clima sempre é botânico...
se eu fosse um cara diria âcflorido'.
Conexão espontânea pelo par de ouvidos,
de todas as cabeças que contam no recinto,
o que eu dou é o que eu tenho - e volta o dobro,
eu sinto.


(REFRÃO)

Vídeo incorreto?