O sol se pôs mais uma vez
Deixando o escuro apoderar-se da canção
E a lua cheia com sua nova palidez
Me diz que a noite é tão perfeita quanto o dom

De tocar
É melhor aproveitar
Já que respirar é tão bom
Quanto o ato de cantar

É melhor jogar
No lixo e não na areia
Pois assim você está sendo tão nocivo
Quanto um homem que incendeia
As florestas

Vivemos num mundo & mundo

Eu me pus mais uma vez
Deixei a mente na maior escuridão
Foi resultado de uma nova embriagues
Depois de alguns minutos de satisfação

Ao cantar
E a perguntar está no ar
O que pode acontecer
Se um dia o homem sem pensar

Conseguir
Derrotar a natureza
E sem ela se isolar no universo
Tentando manter a luz acesa
Na marra

O homem é o câncer do mundo

Vídeo incorreto?