Quando te vejo,
eu tiro os pés do chão
E sinto um soro do desejo
que vem em convulsão
e nunca acaba, nunca

Ouooo, vem sempre comigo onde eu vou
Ouooo, é o meu vício

Eu não esqueço,
nem tanto remediar
no fim eu volto pro começo
melhor que respirar
é vir comigo e nunca

Ouooo, vem sempre comigo onde eu vou
Ouoooo, é o meu vício
Ouooo, vem sempre comigo onde eu vou
Ouoooo, é o meu vício

Vem, vem que eu consigo te mostrar
A outra para amar

Ouooo, vem sempre comigo onde eu vou
Ouoooo, é o meu vício
Ouooo, vem sempre comigo onde eu vou
Ouoooo, é o meu vício

Vídeo incorreto?