Onde está?
Onde está minha parte da verdade, diz
Meio suja,meio suja
Meio de achaque
Calafate de arame,calafate de arame
De plastik
Casa pequena de pau, casa pequena de pau
De rebite
Tá no grito, tá no sol que bate
Tá no rito, tá no sol que arde
Tá na rua em desespero
No choro, no tiro, no medo
Tá no dedo, tá no dedo
Sempre apontado pra cara do x9
Tá deitado no chão, falando o que pode
No choro, no tiro, no medo,
Falando o que pode,
Tá no dedo apontado pra cara do x9
Onde está minha paz, e a verdade de pescador
Que toca viola e bebe cachaça, e cidra barata
Que debaixo do sol, sob a barraca
Feia freguesia, segue bonita a vida
Tá no grito, tá no sol que bate
Tá no rito, tá no sol que arde
Onde está? (tá no sol que arde)
Não tenho mão digital
Minha vida é sem graça, quase cópia
Produtor-camelô, de birosca
Cd pirata no mundo igualzinho
Eu sou igual meus pais, cd pirata no mundo
Eu digo pra você, igualzinho
Minha vida é sem graça, quase cópia
Produtor-camelô, de birosca
Cd, no mundo igualzinho, ei, ei, ei
Cd pirata no mundo, tudo copiadinho

Vídeo incorreto?