Eu falo mais
sozinho em cima do muro
do que com os que fazem a velha opinião ficar
O vento sopra
e trás de volta a velha luva que não vai mais me servir
...ser em vão

E eu espero as coisas
que estão alem de mim
Ate a dor aparecer
E eu perceber que o mundo
não È tão igual ao que eu
um dia desejei

Eu espero mais
das coisas que vem do escuro
do que daquelas que eu sei que eu posso acreditar
O vento sopra
e trás a volta velha vida que não vai mais me servir
...ser em vão

E eu espero as coisas
q estão alem de mim
Ate a dor aparecer
e eu perceber que o mundo
não È tão igual ao que eu
um dia desejei


E o desespero a tona
não tem comeco e fim
Mais amanhã ja se esqueceu
por perceber que o meu mundo não È igual ao seu
mas eu te faco esquecer

Vídeo incorreto?