Quando eu me vi só nesse lugar
Eu pensei que
Preciso sair
Pra me libertar
Seja com quem for
A minha vida é cantar
Nunca no mesmo lugar
Seja sozinho ou a dois
O resto vejo depois
Mas só em pensar que
Eu beijava seu peito sua boca sua face
Tudo que eu pedisse só vc que me desse
Ai pensando deus se esse quarto falasse ee
Mas que pena já era já era já era
Não vejo mas aquela tão bela e singela
E nem da
Por que
Se eu ouço a voz dela é atraves de alo
Se passou pela favela é por que alguem me falou
Então já que me deixou por aqui aprendi a
Viver um pouco sozinho
E o que eu posso fazer fia se eu gosto da boemia
Se a noite pra mim é dia mas posso mudar, mas como isso é questão de tempo
Então isso não entendo muito
Nem curto muito ficar de canto eu prefiro zuar

Quando eu me vi só nesse lugar eu pensei que
Preciso sair
Pra me libertar
Seja com quem for
A minha vida é cantar
Nunca no mesmo lugar
Seja sozinho ou a dois
O resto eu vejo depois.

O resto vejo depois
Talvez pode ser que uma mina firmeza possa trombar no role
É isso deixa comigo é só seguir o sentido e despertar o libido colar nos brinco florido
Mas nao dela deixa pra lá não é assim para mim tem que ter valor
É só chegar e abusar e forjar e fingir que nem da pra sentir o amor
Mó fita ela não confia mais em mim acredita
Num encontro com a mina que pra mim foi mó zica
Tava tudo claro mas a cena complica
E a saudade fica

Mas que pena já era já era já era
Não vejo mas aquela tão bela e singela
E nem da
Por que
Se eu ouço a voz dela é atraves de alo
Se passou pela favela é por que alguem me falou
Então já que me deixou por aqui aprendi a viver um pouco sozinho
E o que eu posso fazer fia se eu gosto da boemia
Se a noite pra mim é dia mas posso mudar
Mas como isso é questão de tempo então isso não entendo muito nem curto muito ficar de canto eu prefiro zuar

Quando eu me vi só nesse liugar eu pensei que
Preciso sair pra me libertar
Seja com quem for a minha vida é cantar
Nunca no mesmo lugar
Seja sozinho ou a dois
O resto eu vejo depois

Vídeo incorreto?