Dói demais dizer adeus, caminhos diferentes
Mas a vida é desse jeito, sempre fica a dor no peito
Na hora do adeus
Quero ser lembrado como alguém
Que trabalha na seara do Senhor
Levo a vida nesse vai e vem,
Sou refém dos laços de amor
Quando chego em casa já é hora de partir
Uma parte vem comigo e a outra fica aqui
Levo a distância e a saudade permanece
Pois quem ama de verdade do amor nunca esquece.

Vídeo incorreto?