Um navio de partida
Um distante movimento
Feito um cordão de luz
Num verde tão azul
Meu coração pequeno
Regressa da viagem
Na solidão da tarde
Procuro meu caminho
Seu carinho e não encontro
No silêncio guardo o canto
Que reflete a sua imagem
No deserto da paixão
Meu peito bate descontente
Pois não há ninguém que possa devolver
Um navio de partida

Onda do mar
Leva de mim
Esta aflição sem fim

Meus olhos navegando
Vermelhos do poente
Guardam sonhos cor de rosa
Canções com poesia
Emoção contida que faz renascer
A ilusão perdida ao lembrar
Você...

Vídeo incorreto?