Perdi a fé em suas palavras
Independente do que for falar

Nem sei por onde eu andava
Uma estrada sem asfalto ou cor
E uma explosão...

...Revelou o lado bom de uma tragédia
Não mostrar sofrer e esquecer as rédias
Quem me dera ser assim

(Refrão)
Eu não sirvo para festas
Gosto de promessas
Sei que eu não sou normal
Mas eu prefiro assim
Assim, assim...

Estou ficando sem tempo
E quero só um segundo
Pra mostrar o que eu tenho aqui
Sem mais delongas

Corro em meu caminho
Quase sempre sozinho
Esquecendo o quanto é bom sorrir
Sem me preocupar

Eu lamento se já me deu a sua hora
Se quiser me ver, estarei lá fora
Lá fora.

(Refrão)
Eu não deixo a porta aberta
Olho pela fresta
Esperando um dia alguém olhar de volta pra mim
Eu não sirvo para festas
Gosto de promessas
Sei que eu não sou normal
Mas eu prefiro assim
Assim, assim.

(Refrão 2x)

Eu prefiro assim
Embora esteja só no fim
Agora que eu te vi
E vi você olhando pra mim.

Vídeo incorreto?