Houve um tempo de vergonha
De cinzas e de dor
Não tinha música nem festa
Só choro e amargor
Notícias de morte
Me assombraram
Havia uma forca preparada para mim

Palavras negativas
Roubaram a minha paz

Todos me perguntavam:
Onde está o teu Deus?

Lá no palácio
Deus trabalha por mim
Toda vergonha e luto tiveram um fim

Honra sem medidas
Eu desfrurei
Em um banquete abundante
Toda minha sorte mudará

Tudo o que faço
Para honrar o meu Rei
Muito mais Ele fará em meu favor

Em meu favor...

Vídeo incorreto?