Lembro o tempo em que o amor me valeu
mil reinos de conhecer
Danço ao rito das coisas
e me importo com elas
só pra viver
estrelas a entrelaçar
a teia imensa nosso intenso olhar
me desfaço só pra renascer

Lembra a lua nas espadas capins
banhados laguna só durando a fome do meu coração
dois amores um só caminhar
Tempo em tanto onde a luz se fez
tempo quando o mistério do amor se revela.
Tempo enquanto espanto a solidão.

Lembro o tempo em que o amor me valeu
mil reinos de conhecer
Danço ao rito das coisas
e me importo com elas
só pra viver
estrelas a entrelaçar
a teia imensa nosso intenso olhar
me desfaço só pra renascer

Tempo em tanto onde a luz se fez
tempo quando o mistério do amor se revela.
Tempo enquanto espanto a solidão.