Na multidão não te vejo
Olhos voltados só pra mim
Tento notar
Não aceito,não, ser assim

Tantos lugares, não te vejo
Sinto saudade e nem te conheci
Estranho é pensar em mim mesmo sem te incluir, sem te incluir

É por você que eu levanto cedo
E logo vem o medo me tirar do meu lugar seguro
Seu lado, meu futuro

É por você que eu sento e traço
Cada pedaço desses outros nós e aqueles outros laços
Que eu fiz questão de desfazer de mim

Tão devagar que não vejo
Sinais deixados só pra mim
Não sinto vontade de estar longe, não, não assim

Não penso em falar de mim mesmo
Não quero acordar só pra te ver sumir
Perigo é pensar em mim mesmo, sem te incluir, sem te incluir

É por você que eu levanto cedo
E logo vem o medo me tirar do meu lugar seguro
Seu lado, meu futuro

É por você que eu sento e traço
Cada pedaço desses outros nós e aqueles outros laços
Que eu fiz questão de desfazer de mim

Vídeo incorreto?