Metade dos meus sonhos eu vivo de olhos abertos
Com os olhos fechados, metade se tornam sinceros
Eu me entrego ao meu ego sarcástico e traidor
Repleto de perguntas que já perderam o seu valor
Arrependido pelas respostas compostas por vaidade
Palavras solitárias acompanhadas de saudades
Sozinho em pensamentos trancados em maldades
Tristezas refletidas em cada brilho dos olhares
Sinto insegurança abordada nos meus pesadelos
Lagrimas Das Lembranças Guardam Os Meus Segredos
Rodeado De Pessoas E Sozinho Ao Mesmo Tempo
Tentando Aprender Como Se Vence O Sentimento
Com Passos Ocultos Fortalecendo Minha Timidez
Intimado A Vítima De Minha Própria Insensatez
De Mãos atadas Caminhando Com As Situações
Me Perdendo Diante Dos Problemas E Emoções

Não me deixe só não me deixe sozinho
Não me deixe virar pó nem... Pozinho
O dia me deu um soco e noite me deu um beijo
O dia que minha solidão ecoar numa garrafa de cachaça vazia
E minhas palavras fizerem mais do que eu queria, eu desejo
Que exista um remédio pra curar minhas alegrias e um vidro de 1 litro de perfume de percevejo
Pra que eu possa no sigilo tranqüilo afogar gansos e mágoas na água do rio Nilo
Eu parei e reparei no céu e vi que as nuvens sabem mais da minha vida de eu
As árvores choram ao som da chuva seca
Meu amigo é o papel,minha mina é a caneta
Não há espaço pra perder tempo nem tempo pra perder espaço
Meu horário meu lugar, eu faço
Minha vontade, minha loucura, minha solidão, minha sina
Eu não estou mais sozinho eu estou com minhas rimas

A vida é assim, é sempre desse jeito
Se liga no que eu falo, todos tem que ter respeito!
Valorizar o que tem de bom para seguir
E ir com fé sem nunca pensar em desistir
Ao cair levantar sem se cansar e alcançar
Chegar onde quer sem sofrer sem gaguejar
Curtir o Maximo que possa em frente ao mar
Tudo é uma questão de tempo, vou continuar
Um minuto é raro então não vou desperdiça
Vou curtir, vou sair, vou estudar
A vida é uma escola que não vamos terminar
Jogar bola, andar de skate, viajar e se ferrar
Mais não vamos abaixar nossa cabeça
Nunca derrotado pela lerdeza e tristeza
Sem ocupar o pensamento com o mal passado
A mente vazia é oficina do Diabo
Ta ligado!

Vídeo incorreto?