Se por acaso eu chorar não é pra te chatear
Só quero desabafar a dor de uma ilusão
De quem dei tanta alegria, e já fiz feliz um dia
Hoje canto em poesia toda sua ingratidão

Dizem que homem não chora, isso depende da hora
Quando se ver indo embora a sua grande paixão
A gente tenta esconder mas sente o peito doer
E as lágrimas descer feito um menino chorão

Quando para de chorar, corre pra mesa de um bar
Tentando desabafar sua triste solidão
A noite no desespero, se abraça com o travesseiro
Beijando e sentido o cheiro que ela deixou no colchão

Quando escuta o trupe, corre pra saber quem é
Pensa ser sua mulher já chegando no portão
Quando olha e não vê nada toma logo outra lapada
E ver que não valeu nada, orgulho e opinião

Vídeo incorreto?