Se a garrafa acaba eu não sei o que fazer
Aia aia ô
O mal é que eu não sei parar de beber
Aia ô aiê
O certo é que isto me anda a preocupar
Aia aia ô
Mas de guela seca é que eu não sei estar
Aia ô aiê

Se a garrafa acaba volta-se a encher
E o pior de tudo é parar de beber
Se é muito ou se é pouco isso eu já não sei
Aia ô aiê

Fiz de uma garrafa minha companhia
Aia aia ô
Só estou mal com ela se a vejo vazia
Aia ô aiê
Já me deram ordens para eu abrandar
Aia aia ô
E agora eu ando a beber mais devagar
Aia ô aiê

Se a garrafa acaba volta-se a encher
E o pior de tudo é parar de beber
Se é muito ou se é pouco isso eu já não sei
Aia ô aiê

O primeiro
Bebe-se cheio
O segundo
Até ao fundo
O terceiro
Como o primeiro
E os outros
Como segundo
E para acabar em comunhão
Emborca-se o garrafão

Se a garrafa acaba volta-se a encher
E o pior de tudo é parar de beber
Se é muito ou se é pouco isso eu já não sei
Aia ô aiê

Vídeo incorreto?