Quem vê a moça brincar de roda
Sabe a ingenuidade
Acha a tristeza fora de moda
Pensa em felicidade

Quem vê a moça soltar seu riso
Recorda a flor da idade
Volta à inocência do paraíso
De braço com a saudade

Mas o olhar cobiçoso do homem
Sabe que a vida é confusa
Alisa a curva morena dos seios
Florindo em baixo da blusa

Quando a menina ao seu redor
É muito desejada
Faz a beleza ficar maior
Por não saber de nada

Vídeo incorreto?